Os alunos do 5° Ano elaboraram uma linha do tempo que iniciou com a Independência do Brasil e foi até a Proclamação da República.

Durante as aulas os alunos compreenderam como os direitos sociais, políticos e jurídicos foram garantidos com a passagem do tempo. Eles fizeram uma reflexão e analisaram o processo abolicionista que corroborou para a manutenção dos preconceitos, desigualdades sociais e seus reflexos na sociedade atual.

Perceberam também que a Proclamação da República não representou rupturas severas na estrutura social, mesmo depois da abolição da escravidão. Entenderam que os interesses sociais se sobrepunham ao coletivo, solidificando uma sociedade desigual, resultando em vários movimentos sociais que lutavam pelo reconhecimento dos direitos da população.